VENDER NÃO É (SÓ) FECHAR.

VENDER NÃO É (SÓ) FECHAR.

Acredito que o fecho não é um ato isolado da venda, é acima de tudo o momento de conclusão de um processo que procura ajudar o outro a tomar decisões que acreditamos serem vantajosas. Encarando esta ajuda como o processo de venda, e para que no final o fecho resulte numa experiência agradável para todos, há que investir a maior parte do tempo nas pessoas para percebermos o que querem, o que precisam e o que desejam, pois ao perceber como podemos ajudar, seremos muito mais assertivos na satisfação das suas necessidades, a nossa proposta, como que por magia, torna-se na solução que ele necessitava! O fecho é apenas a consequência natural do nosso bom trabalho de venda.

Testemunho de Massimo Forte, do livro “Negociar & Vender” – João Catalão e Ana Penim

 

(Visited 11 times, 1 visits today)