No mês de Agosto também se vende…

No mês de Agosto também se vende…

Avizinha-se o mês, tradicionalmente, mais parado do ano. Aquele que muitos esperam ansiosamente durante o ano todo, e outros rejeitam e fecham os olhos na expectativa que passe o mais rapidamente possível.

O mês de Agosto !!!

Eu sou um dos que acredita que não há sazonalidade no mercado imobiliário, principalmente no mercado residencial. A minha teoria, altamente baseada na prática, diz-me que quando necessitamos de uma casa para habitar, essa necessidade não tem a ver com períodos do ano.

Ora vejamos, com o que é que a mudança de casa tem a ver:

. Saímos da casa dos nossos pais, porque queremos tornar-nos independentes

. Quando decidimos casar ou viver com alguém

. Quando mudamos de emprego para um sítio mais longe ou de trânsito complicado

. Quando a nossa família aumenta pela primeira vez

. Quando a nossa família aumenta novamente

. Quando precisamos diminuir a nossa renda, devido as condições económicas

. Quando, infelizmente, ou não, nos divorciamos ou separamos

. Quando a vida nos prega uma partida, e vamos desta para melhor, e alguém fica para tratar da venda da nossa casa

. Ou simplesmente porque nos apetece…

Todos estes aspetos, e outros que eventualmente não tenha referido, não têm nada a ver com as estações do ano ou mesmo com os meses, …

É claro que existe a questão do foco, e todos nós sabemos que 70 a 80% dos portugueses no mês de Agosto estão focalizados nas Férias, por isso todo o seu pensamento está direcionado para esse objetivo, o qual poderá condicionar as expectativas de mediadoras imobiliárias e clientes para esta altura do ano.

Uma coisa é certa, as pessoas no mês de Agosto, vão continuar a sair de casa, a casar, a juntarem-se, a ter filhos, a mudarem de emprego, a terem mais filhos, a divorciarem-se ou separar, a morrer ou a mudar de casa porque pura ou simplesmente lhes apetece, e para isso, vão estar determinadas a fazê-lo mesmo que lá fora estejam 40º à sombra.

 No ano passado, o mês de Agosto foi um bom mês para a maior parte dos players de mercado. Acredito que este ano também será. As visitas podem baixar, os contactos terão a tendência de ser menos, mas a qualidadedos mesmos irá subir e por conseguinte o nível de serviço irá manter-seou em determinadas situações até melhorar.

Apenas temos de saber ver uma oportunidade, onde todos veem dificuldades.

 

 

 

 

 

(Visited 38 times, 1 visits today)